Como utilizar o Marketing Digital para Impulsionar Profissionais na área de Direito

Entenda o Marketing Digital e aprenda técnicas que irão impulsionar o seu escritório de advocacia mesmo com as limitações da OAB.

A Internet definitivamente mudou a forma como empresas e profissionais se relacionam com seus clientes e isto não foi diferente com a área Advocacia.
Através dela se revolucionou os meios de comunicação com rapidez, adaptando as formas de fazer propaganda, Marketing e, nossos hábitos, como a maneira de fazermos compras, por exemplo.
Atualmente são bilhões de pessoas conectadas no planeta, temos acesso a todo tipo de notícia, todo tipo de loja, e comunidades virtuais onde podemos conhecer pessoas diferentes para trocar informações ou apenas jogar conversa fora.
Nunca fez tanto sentido investir em marketing quanto nos últimos anos, em que os hábitos de consumo e as relações entre clientes e profissionais mudaram drasticamente.

Quer ouvir este conteúdo? Experimente ouvir pelo player abaixo.

A OAB decidiu regularizar a prática do marketing para área jurídica estabelecendo um conjunto de regras que limitam a divulgação em torno de serviços legais. Isso tudo tem o objetivo de preservar a dignidade da profissão e garantir que a credibilidade do serviço seja mantida. Por isso, não encare essas limitações como um problema, e sim como uma proteção. Além disso, mesmo com elas, é possível fazer um excelente trabalho e conseguir ótimos resultados se certificando de que o marketing jurídico não vá contra o código de ética estabelecido pela OAB.
Se interessou pelo assunto e deseja saber como aplicar corretamente o marketing jurídico para que o seu escritório tenha melhores resultados?
Neste artigo vamos abordar tudo que compõe uma estratégia de sucesso, e quais são os erros a evitar no planejamento, vamos lá.

VEJA COMO É RÁPIDO E
EFICIENTE

TESTE AGORA

EM UM CLIQUE

Por que o marketing digital é tão importante?

Poderíamos responder essa pergunta, de forma resumida, como: Porque o marketing digital possibilita que a empresa atinja seu público onde ele passa a maior parte do tempo, na internet, no momento e canal mais propício.

O marketing digital pode representar uma boa estratégia e uma ótima oportunidade para que os advogados passem a se expressar com uma linguagem mais dinâmica, conquistando assim mais clientes.

É uma mistura de criatividade, psicologia e dados em tempo real. Para acertar neste segmento de marketing, você precisa de várias habilidades que ficam na intersecção de marketing, produtos, dados e tecnologia.

Enquanto algumas empresas já possuem raízes sólidas no meio do marketing digital, outras ainda engatinham, e algumas parecem desconhecer sua real importância e, na verdade, não compreendem completamente o que é marketing digital.

Apesar de todo o crescimento do marketing digital nos últimos anos, há algumas empresas no segmento de advocacia, que ainda não compreendem o seu real papel e lutam contra a migração para o meio digital.

Ao longo dos anos, as pessoas tem estado cada vez mais conectadas. Com a evolução da internet e dos meios de comunicação, as pessoas passaram a estar conectadas à rede mundial de computadores quase 24 horas por dia (através dos computadores desktops, laptops e dispositivos móveis), consumindo e compartilhando uma infinidade de conteúdos.

A internet  possibilita às pessoas um vasto leque de opções de interação, como: se informar, acessar vídeos e músicas, jogar, estudar, fazer amizades, compartilhar seu conhecimento, pesquisar produtos e serviços, debater opiniões, etc.  Por outro lado, a internet pode contribuir positiva ou negativamente para a imagem das empresas, através dos comentários dos usuários na rede.

Diferente do marketing tradicional, o marketing digital permite um maior controle das ações (canais, mídias, segmentação de público-alvo, etc.) e mensurar os resultados com muito mais precisão. Entretanto, isso não significa que o modelo tradicional não serve mais, mas sim, que é preciso migrar, expandir para o digital.

Uma estratégia de marketing digital, bem definida e muito bem planejada, resultara em ótimos resultados para seu escritório. Podemos citar 3 pontos importantes:

1 – Buzz Marketing:

 

O Buzz Marketing ou também conhecido com marketing boca a boca, procura estimular indivíduos e a sociedade a repassar uma mensagem para outros, aumentando sua abrangência e servindo como influenciador. Com a rápida multiplicação, principalmente através da internet, uma mensagem pode atingir milhares ou até milhões de pessoas. O buzz pode acontecer espontaneamente ou pode ter influência de um agente externo.

Segmente Email Marketing

O Buzz Marketing possui características similares ao Marketing Viral, mas não há a necessidade de esconder seu objetivo, ter um tom cômico ou simplesmente passar uma mensagem sem dizer ao consumidor que ali existe a “venda” de um produto.
Outro ponto que merece atenção é que para que as notícias realmente se espalhem é preciso muita energia, pois as coisas não acontecem sozinhas. É importante investir energia, tempo, imaginação e informação ao invés de dinheiro, portanto se planeje para que sua ação se torne efetiva.

Novidades E-mail Marketing

2 – Branding:

 

Branding é o agrupamento de soluções que uma marca necessita para sobreviver no mercado. Ele abrange desde a criação de uma nova marca, na administração da mesma e no reposicionamento de marcas existentes que passam por dificuldades. Ele se divide nas seguintes etapas: Detalhamento do Público-Alvo, Posicionamento da Marca, Construção Multissensorial.
A construção do branding é essencial para o sucesso de um negócio, pois permite que a marca do produto ou serviço oferecido por determinada empresa se torne conhecida no mercado.
O trabalho para que haja o reconhecimento de uma marca é muito importante, principalmente levando em consideração a intensa competição que os produtos enfrentam em quase todos os setores do mercado.

O branding envolve funções de investigação, estratégias, criações, design e, por fim, o gerenciamento constante da marca, com o intuito de acompanhar as suas “expressões” e otimizar relações com os respectivos públicos-alvos, buscando aumentar não apenas o valor econômico, mas principalmente o valor simbólico da marca. Você pode trabalhar a divulgação da sua marca de várias formas, de modo a torná-la conhecida e fixá-la na mente de seu público-alvo.

3 – Fidelização de Clientes:

 

Seus clientes não querem apenas consumir os serviços, eles querem ser ouvidos, se sentir parte da empresa. Com a internet, se tornou mais fácil criar um relacionamento com eles, dando-lhes espaço para tirarem dúvidas, fazerem reclamações, deixarem comentários, e ao mesmo tempo, dar feedback para cada ação desses clientes, de modo a mantê-los satisfeitos e fidelizá-los.
Muitas vezes o escritório que presta uma consultoria, analisa um contrato ou mesmo entra com uma ação judicial e o contato com o cliente fica por aí. Nota-se que em emtempo de comunicação efetiva os clientes querem mais, eles querem fazer parte do processo como um todo e para isto necessário ouvir o que é realmente importante para eles.
Nesta fase a Comtele auxilia com ferramenta efetiva de comunicação via Torpedo SMS, no qual você consegue se comunicar com seu cliente de forma persoalizada e rápida. Se é feedback que você procura, com esta ferramenta você conseguira, pois possui possibilidade de pesquisa interativa. Se deseja avisar sobre andamento do processo, ou solicitar documentos esta ferramenta também atenderá sua necessidade.
Lembrando que a comunicação via torpedo SMS tem melhor custo x beneficio e proporciona ao seu cliente uma forma de comunicação dinamica, que atendera suas expectativas aumentando a probabilidade de fidelização.

Novidades E-mail Marketing

As Melhores Práticas na Área de Marketing Jurídico

 

Um dos principais objetivos do marketing jurídico é aproximar os profissionais de seus possíveis clientes, mas isso só é possível se você for acessível a eles. O que isso quer dizer? Otimize seus canais de comunicação e torne fácil para os interessados entrar em contato por qualquer um deles. É importante que o contato inicial seja respondido rapidamente, por e-mail, telefone, mensagem de texto ou alguma rede social.
Antes de investir em uma estratégia e colocar as ações planejas em prática, é necessário preparar o escritório e pensar em premissas de marketing, pois ele precisa estar alinhado aos objetivos e ao plano de negócios do escritório. Além disso é preciso que todos os sócios e colaboradores estejam alinhados a isso. É preciso: Determinar uma área de atuação; Determinar uma especialização para o negócio; Determinar o perfil de cliente ideal. Através dessas premissas, é possível traçar a determinação de onde a estratégia pretende chegar e ter os objetivos de maneira palpável. O marketing estará pautado pelos objetivos do negócio.

A produção de conteúdo relevante é simplesmente a base do marketing atual, não apenas para o setor jurídico. Em outras palavras, sem isso a estratégia não dará resultados tão bons quanto poderia. Mas, o que podemos classificar como conteúdo relevante? Todo material que seja de interesse para as pessoas que você quer atrair como clientes. Isso quer dizer que o seu conteúdo precisa ser direcionado, ou seja, não basta falar de qualquer assunto relacionado a direito, e sim dos temas com os quais o seu escritório trabalha no dia a dia.
O visual é de suma importância para um advogado ou escritório de advocacia. Desde o logotipo até os materiais de correspondência, tudo precisa ser bem pensado para causar boa impressão.
Bons relacionamentos são indispensáveis para ser bem-sucedido nos negócios, e o marketing jurídico segue esse princípio de forma bem clara. Tudo gira em torno de ajudar os clientes. Quando se reunir com um possível cliente, dê real atenção ao que ele precisa. Na maioria dos casos, se mostrar acessível e preocupado será melhor que mostrar grande conhecimento e nenhuma empatia. Isso é essencial, pois não importa o quanto seu conteúdo seja bom, é no contato pessoal que ele vai decidir se deseja ou não contar com seus serviços.
O marketing jurídico é uma das armas mais valiosas que seu escritório pode usar para se diferenciar no mercado, estabelecer credibilidade com os clientes e criar oportunidades para a carreira. Basta respeitar as limitações legais e seguir as boas práticas listadas acima para ver os resultados aparecerem.
Trazer esta modalidade marketing para o ambiente jurídico é importante, e por isto é preciso pensar sempre na necessidade de uma gestão profissional para que a estratégia não seja um custo, mas sim um investimento que alcance o objetivo traçado e desejado.
Conte com a experiência de mais de 10 anos de mercado da Comtele, que oferece ferramentas e soluções com melhor custo e que se comunicam com seu cliente de forma realmente efetiva e personalizada.

SOLICITE UM TESTE GRÁTIS
DE NOSSO SISTEMA

"